Ampelmann: das escolas socialistas ao hit capitalista

Você já viu por aí?

Você já viu esse homenzinho por aí?

Não é incomum os visitantes de Berlim se depararem, depois de alguns dias turistando pela cidade, com essas figuras.

De início, alguns notam somente as lojas desses homenzinhos espalhadas pelos principais pontos turísticos. Depois percebem que esses mesmos homenzinhos também se encontram nos semáforos. A ordem de qual é percebido primeiro também pode mudar.

Então aqui vai nosso post explicando para todos aqueles que já se perguntaram sobre o que é o danado do homenzinho do semáforo. E para aqueles que ainda não vieram à cidade, mas certamente, sem esse post, iriam se perguntar de qualquer forma.

E aqui vai a primeira informação: a figura do homem do sinal se chama…. Ampelmann, que em alemão quer dizer… homem do semáforo!

Tá. Agora vamos para algo mais relevante.


O Ampelmann surgiu na Alemanha Oriental

Pouca gente pode imaginar, mas essa figura do “folclore” berlinense que tem lojas por toda a cidade (total de 6) e vende todo tipo de produto tem sua origem na antiga Alemanha Oriental. É, essa é mais uma ironia de Berlim.

Eles começaram a aparecer na cidade no ano de 1961, logo depois da construção do famigerado muro.

A concepção de uma figura maior para os pedestres, mais reconhecível e mais divertida, podemos dizer, foi uma resposta do psicólogo de tráfego, Karl Peglau.

Nas escolas, as crianças aprendiam a como se comportar no trânsito. Crianças no jardim de infância já brincavam com o Ampelmann. Nos treinos para crianças na escola, o Ampelmann servia como uma figura divertida que incentivava o aprendizado das regras de trânsito para os pedestres.

Aqueles que aprendiam as regrinhas bem direitinho, ganhavam uma medalha ou insígnia em formato do Ampelmann. E assim algumas gerações foram educadas e cresceram na DDR (Alemanha Oriental).


A queda do muro e a substituição do Ampelmann pelo semáforo europeu

Com a queda do muro de Berlim e o fim da Alemanha Oriental, o modo de vida da DDR e muitos dos seus símbolos estavam condenados ao desaparecimento.

Em 1994, começaram o trabalho para substituir todos os queridos Ampelmänner (plural) pelos semáforos oficiais da Europa.

Foi só dois anos depois que o designer industrial, Markus Heckhausen, passou a se utilizar dos descartados Ampelmänner para fazer seus produtos.

A imprensa de Berlim parece ter adorado a ideia e deu grande importância à volta do Ampelmann.

A partir daí, as pessoas se movimentaram para a volta do querido, mas descartado, homenzinho.

O movimento se utilizou do mesmo slogan de antes da queda do muro “Nós somos o povo”, para deixar claro para as autoridades berlinenses, que eles queriam mudar a cara do trânsito para os pedestres.

Depois de alguma pressão, eles acabaram conseguindo o que queriam.


Ampelmann vira hit na Alemanha

Hoje o Ampelmann pode ser encontrado não só em Berlim, mas em algumas outras cidades da antiga DDR. Porém, esse tipo de sinalização não pode ser utilizado em grandes rodovias e estradas, aí só vale a oficial da união europeia.

Em 1997, Markus Heckhausen e o psicólogo de tráfego, Karl Peglau, publicaram o livro sobre o Ampelmann.

Desde então já são 6 lojas que vendem todo tipo de produto, desde lápis e ímãs, até mochilas e toalhas, roupinhas de bebês e óculos. Dá só uma olhada:

E eles também têm um restaurante de frente pro Spree, o rio de Berlim:

Ainda não experimentamos o restaurante, mas a vista é essa aí...

Ainda não experimentamos o restaurante, mas a vista é essa aí…

Lojas do Ampelmann em Berlim 

  • Hackesche Höfe, Hof 5, Rosenthaler Str. 40-41
  • Kurfürstendamm 20
  • Unter den Linden 35
  • Gendarmenmarkt, Markgrafenstraße 37
  • In DomAquarée, Karl-Liebknecht-Str. 5
  • Potsdamer Platz Arcaden (no subsolo), Alte Potsdamer Str. 7
  • E a nova na Hauptbahnhof. E provavelmente outra inaugurando nos próximos dias e assim vai…

https://www.instagram.com/p/BInuJNnA9Ry/?taken-by=agendaberlim

Restaurante Ampelmann

AMPELMANN-Restaurant und Strandbar
Stadtbahnbogen 159/160 (Monbijou-Park no Mitte), 10178 Berlin-Mitte
Aberto das 10h até 22h

Fontes e links:

História do Ampelmann no site oficial
Lojas do Ampelmann
Site do Restaurante Ampelmann em Berlim

Curtiu? Outras curiosidades de Berlim e Alemanha você pode ler aqui!

Quem sou eu: Pacelli

Economista, mas apaixonado por filosofia, literatura, história e alta cultura, resolvi estudar os temas que aprecio em casa. Sempre procuro incluir essas temáticas nos meus posts sobre Berlim e Alemanha que você encontra por aqui.


Vale a pena comprar antecipadamente:


Que tal conhecer Berlim com a gente?

Nós saímos do Brasil e viemos para Berlim para iniciar uma atividade que nos traz muita felicidade: apresentar a vocês a cidade pela qual somos apaixonados.

Guia em Berlim, Passeio guiado em Berlim

Então se você está com viagem marcada para a capital alemã, entra em contato com a gente que será um prazer te acompanhar pela cidade mais interessante do mundo!


Não nos perca de vista! 

Pra receber em seu e-mail as novidades de Berlim e nossos posts completos é só assinar a nossa Newsletter.

Segue a gente no Facebook e no Instagram também!


Você quer organizar a sua viagem e ainda contribuir com o blog?

Você curte o nosso trabalho, pegou dicas legais aqui e gostaria de contribuir de alguma forma?

Nós fazemos parte de alguns programas de afiliados de empresas que conhecemos e confiamos. Se você usar algum de nossos links afiliados, nós ganhamos uma pequena comissão sem que você pague nada a mais por isso.

Não é massa?! Então abre e salva aí os nossos links no navegador de vocês:

Você pode usar esses links a qualquer momento e para qualquer tipo de serviço em qualquer lugar. Lembre-se apenas de salvá-los com o nosso número de afiliado ou de voltar aqui sempre que quiser usar algum deles.

A gente agradece de coração e interpreta como um sinal para continuar o trabalho por aqui! :)


Compartilhe o nosso trabalho:

Falar do nosso trabalho, comentar e compartilhar com os amigos é uma ótima maneira de nos ajudar a crescer!

Então vai lá, fala da gente pra alguém hoje... :)

7
1

1 Comment

Leave a reply

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*